Senhora Dos Descampados – Jairo Lambari Fernandes


19ª Reculuta da Canção Crioula – Guaíba – RS – 2013.
Prêmio de Melhor Intérprete para o Jairo Lambari Fernandes.

SENHORA DOS DESCAMPADOS

Letra: Gujo Texeira e Rodrigo Bauer
Música: Jairo Lambari Fernandes
Intérprete: Jairo Lambari Fernandes

Senhora dos Descampados, ouve essa prece a lo largo
Que eu rezo em frente ao fogo, solito com meu amargo
Senhora dos Descampados, escuta aquilo que falo
Com meu olhar estendido que já nasceu de a cavalo

Eu sou campeiro e me habito nesse galpão de invernada
Um posto humilde, mas donde Deus sempre teve morada
Não sei o terço e na igreja não fui mais que umas três “vez”
Mas minha fé me acompanha nos trinta dias do mês

Rezo em silêncio nos campos, na sombra de algum capão
E embora eu não fale nada, escuta a minha oração
Livra o campeiro do tombo, do coice e do manotaço
Desvia o fogo do raio e as contra voltas do laço

Junto a esta cruz solitária, lhe deixo velas acesas
Pra lhe pedir que não falte, nunca, bóia sobre a mesa
Trago outra cruz de Lorena, dependurada no peito
Na bendição que me guarda em ser cristão, deste jeito

Na minha reza de campo, faltam palavras, eu sei
Mas tem a fé verdadeira, por tudo que eu conquistei
Te faço imagem em meus olhos, te vejo plena de céu
E frente a ti, me condeno, me calo e tiro o chapéu

Embora cuide dos campos, encontra um tempo pra mim
Eu nunca perco a esperança, alçada pelos confins
Eu sei que vida da gente tem sempre um rumo traçado
Por isso, rezo e lhe peço, proteja estes descampados.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s