Arrastando as Chilenas – Rodrigo César da Silva


1º Acorde da Canção Nativa – Camaquã – RS – 2005.
Composição premiada como Música Mais Popular.

ARRASTANDO AS CHILENAS

Letra: Rodrigo César da Silva
Música: Rafael César da Silva
Intérprete: Rodrigo César da Silva

Mas credo…
Já ouço o trim do ferro das esporas!
Passei a semana toda forcejnado,
Sábado e domingo hay baile pra fora.

Saio ao tranquito, imaginando a hora
De entrar no baile arrastando as chilenas,
Dançar rancheira no meio da sala,
Fazendo agrado pra alguma morena.

A Maria se pinta e arruma o cabelo, botando uma flor…
Pensando no João Pedro, gaúcho faceiro, que é o seu amor.
A velha Josefina parece menina pelo sarandeio,
Levanta poeira no saracoteio e deixa num trapo o velho Nicanor!

Faz tempo…
Que esses fandangos já são conhecidos!
Mulher casada dança a noite inteira,
Mulher solteira procura marido.

O pai da moça bombeia na sala,
Pra ver se a filha não tá namorando.
De vez em quando uma briga na copa…
Apartemo a tropa e “seguimo” dançando.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s