Guria- Leonel Gomez


24ª Sapecada da Canção Nativa – Lages – SC – 2016.

GURIA

Letra: Evair Suarez Gomez
Música: Leonel Gomez
Intérprete: Leonel Gomez

Não ponho o amor em palavras
Me falta sabedoria
Nem domo potro e te entrego
Feito um presente guria
Só basta me olhar nos olhos
Vestidos de calmaria
Que verás meu coração
E tudo que tu precisas

Me perdoa não poder
Amanunciar umas palavras
Ontonte’’ até que logrei
Mas, olvidei de maneá-las
E dispararam ao me apeear
Na cancela aqui das casas
Se assustaram do trin’’ da espora
Ou do abano do pala

Há muito tempo passado
Changueava ali no bolicho
Aguando o chão da ramada
Servindo tudo que é vicio
Ao cruzar uma tropa larga
Se ‘’ajustemo’’eu, e o Benicio.
Entre assovios, berro de gado…
Se perdemo no infinito

Bati martelo em comparsa
Soquei moirão pra mangueira
Golpeei machado nos matos
Tirando eitos de lenhas.
Toquei cordeona, se o baile
De fato, valia a pena
Mas nunca domei um potro
Pra presentear-te morena

Escuta o meu coração
No tum, tum, tum da guitarra
Voando o vestido de chita
Segue arrodeando na sala
Larga teu sorriso em ‘’vuelo’’
Quem em seguida eu bato asas
Ate te compro uma moura
Mas, não acostumo com as garra…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s