Na Tasca da Siá Filoca – Jairo Lambari Fernandes


15ª Tertúlia Musical Nativista – Santa Maria – RS – 1995.
Composição premiada como Música Mais Popular.

NA TASCA DA “SIÁ” FILOCA

Letra: Jaime Brum Carlos
Música: Jairo Lambari Fernandes
Intérprete: Jairo Lambari Fernandes

Quando o inverno traz “librina”
Uma ânsia me provoca
Alço a perna na gateada
Que de gorda “tá bichoca”.

Bóto as pilchas domingueras
Saio firme na paçoca
Prá sacudir o pulguedo
Na tasca da “Siá” Filoca.

Vou me enfiando sala adentro
Como quem vai pras bibocas
Se o gaiteiro “tá de folga”
Eu prendô-lhe o grito “toca”.

Dou de mão na mais crinuda
E saio que nem pipoca
Num trote descompassado
Pior que matungo com broca.

Quem quiser achar o rumo
Da tasca da “Siá” Filoca
Pergunte pelos caminhos
“Adonde” é que balearam o Doca.

Se a casa “tá muito cheia”
Quem madruga se coloca
Mas todo mundo se ajeita
Pois quem não senta se “acroca”.

Ninguém mais dança de par
Ficam só no troca-troca
Mostrando pra o chinaredo
Como é que o tatu cavoca.

Gosto de varar a noite
Embretado na Maloca
Invernado num romance
Com uma enteada do Joca.

Lazona da crina branca
Com um tope na maçaroca
Pagando “QUÉPI-COOLER”
E tomando gim com Coca.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s