O Cruzado do Bugio – Carlos Magrão e Grupo


2º Carijo da Canção Gaúcha – Palmeira das Missões – RS – 1987.
Composição premiada como Canção Mais Poular.

O CRUZADO DO BUGIO

Letra: José I. Soares
Música: Carlos E. Knop
Intérpretes: Carlos Magrão e Grupo

Na esperança da peonada,
Da ideia veio a cria
Se esquentando no braseiro,
Da noite ao clarear do dia!
Recostou-se no carijo
Com medo da chuva fria.

As pelegas desbotaram,
O colarinho voltou…
Agora paga pecado
Quem no “Cruzado” apostou!
Vira a guaiaca do avesso
Que o mil réis já terminou!

Fecha a boca, meu compadre!
Tá vendo o que assucedeu…
Enganou a todo o povo
E o melhor ele comeu!

Pr’aqueles que tão olhando
Lá de fora o que tá feio,
Não venham meter a mão
No pelego e no arreio!
Foi só o que me sobrou
Pra lutar no tempo feio.

A caneta ta pegando…
Te cuida, faça qüestão!
Tão metendo a mão no bolso,
Sobra só para o patrão…
Um bugio igual a este,
Não vale nenhum tostão!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s