Partí – Ricardo Bergha


26ª Vigília do Canto Gaúcho – Cachoeira do Sul – RS – 2017.
Composição premiada com o Segundo Lugar na Linha de Manifestação Rio-Grandense, Melhor Melodia e Melhor Instrumentista (Guilherme Castilhos).

PARTÍ

Letra: Diego Müller
Melodia: Guilherme Castilhos e Lucas Ferreira
Intérprete: Ricardo Bergha

Eu parti! …segui meu rumo…
– Que este caminho é minha sina…
Se eu ficar talvez me perca
No tanto o que ele destina…
– Talvez, olhar sensitivo…
Quem sabe, só tentativa…
Mas preciso destes ventos
Pra alma seguir bem viva!

Eu parti! …segui luzeiros…
– Lumes negros: duas estrelas…
Onde o meu corpo bem sabe
Do porquê tanto revê-las!…
– Que um dia apontei partida,
Tendo motivos pra estrada…
Mas se eu pagar toda a pena
O tempo assenta a morada!

Eu partí! …segui mi´a alma…
– O que o interior me pede…
Se eu ficar, toda a minha prece
Ante a escuridão se perde!!!…


…Eu parti! …e estou chegando…
– O meu verso chegou antes…
Que assobiei fronte os ventos
Para encontrar-te, distante…
– Parto uma vez só na vida,
Explicando a quem me ouvir:
Depois de estar a teu lado
Não há mais porquê partir!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s