Um Mate Por Ti – Vinícius Brum


7ª Seara da Canção Gaúcha – Carazinho – RS – 1987.
Composição vencedora da Linha Nativista Tradiocional, e Melhor Música de Amor.

UM MATE POR TI

Letra: Apparício Silva Rillo
Música: Vinícius Brum e Beto Bollo
Intérprete: Vinícius Brum

Na bomba do mate ficaram teus lábios
e um gosto maduro de mel de mirim
e se não mateio depois que partiste,
é que ando triste, perdido de ti.

A bomba é uma pomba de penas cansadas
e a cuia morena seu ninho vazio…
E agora que fostes chegou o inverno
e as águas do mate tiritam de frio.

Às vezes, meus lábios recordam os beijos
que a bomba trazia de ti para mim
e o mate de ontem me lembra que tudo
que é doce, a princípio, se amarga no fim.

Por outras me indago, se não vale a pena
trocar um capricho por um chimarrão.
Tomar mais um mate por ti que levaste
meus restos de doce na palma da mão.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s