Saudade – Luiz Carlos Borges


8ª Tafona da Canção Nativa – Osório – RS – 1996.
Composição que conquistou o Segundo Lugar.

SAUDADE

Letra: Rodrigo Bauer
Música: Chico Saratt
Intérprete: Luiz Carlos Borges

Como era jovem o meu rosto claro
E preto os meus cabelos, minhas mãos…
Não tinham marcas de cortar a terra
E nem espinhos no meu coração.

O meu sorriso ainda era meigo,
A minha pele, seu rubor continha.
Meus olhos verdes refletiam campos
E uma coragem que comigo vinha.

Tinha o semblante decidido e forte,
Os ombros largos, dentes afiados.
O corpo ágil de livrar puaços,
Força no braço para os aporreados.

E eram cantores os meus lábios, antes…
Hoje calados, já não tem mais sedes.
Quando eu me encontro cheio de saudade,
Olhando meus retratos na parede.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s