Laço Velho – Ricardo Martins


13ª Sapecada da Canção Nativa – Lages – SC – 2005.

LAÇO VELHO

Letra: Heleno Cardeal
Música: Heleno Cardeal
Intérprete: Ricardo Martins

Por que choras, laço velho,
Nesse canto, enrodilhado,
Em si mesmo aconchegado
Pra resistir ao inverno?
Talvez a dor da presilha
Machucada de cinchão
De tanto levar tirão
Na cincha do meu gateado.

Talvez só sinta saudades
Do teu tempo a bater cola,
Das carreiras, por pachola,
Pra enganar algum paisano…
Um clinudo mal encilhado
E tu – meu laço sovado –
Pensavam que era de campo
E se atracavam no zaino.

Seria a dor do ramalho
– Herança lá da mangueira
Quando um tento se partiu
Pelas aspas do salino?
Eu ainda era menino
E aquele touro no laço
Nas argolas do picaço
Vinha beijar a tronqueira!

Tu me desculpa, parceiro,
Se te magoei com lembranças…
É que ao ver a tua trança
E o teu jeito acabrunhado,
Meu coração calejado
De cidade e de tristeza
Se quedou, pedindo cancha,
Pra chorar no teu costado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s