Da Minha Ibitiporã – Vitor Amorim


12ª Sapecada da Serra Catarinense – Lages – SC – 2012.

DA MINHA IBITIPORÃ

Letra: Ramiro Amorim
Música: Vitor Amorim
Intérprete: Vitor Amorim

Aqui neste valseado vão recuerdos, mal dormidos…
Rumo ao jardim florido do teu olhar, bem querer!
Que as crioulas guitarras, vão duetando por farra,
Quando “afróxo” as garra, para no rancho te ver!

Valseia o coração, na cadência dos teus beijos,
E o peito faz solfejos com o dedilhar do bordão.
Xucra e febril paixão, da alma de campo que dança,
E quando se faz lembrança, a saudade dá um tirão!

Por ser a estrelita da minha ibitiporã,
Canto para ti cunhã e peço a Deus que me ajude!
Pra ter pra sempre a luz dos teus olhos cor de mel,
Quando encantam o céu, a refletirem no açude!

Os teus cabelos bailam com o vento pelo nhu porã,
Lembrando outras manhãs que existiram por aqui…
Nas noites de brilho intenso da minha linda airumã,
É bem mais livre meu canto! Este que entrego pra ti!

Parece que o mundo gira, tendo-te perto de mim
E neste arrodear sem fim, sorrindo minha angatu.
Colho os sonhos semeados pela paz do teu caminho
Chora a cordeona baixinho ao teu som Porangatu!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s