Um Canto de Amor Pra Ela – Adriano Gomes


8ª Reculuta da Canção Crioula – Guaíba – RS – 1991.*

UM CANTO DE AMOR PRA ELA

Letra: Sérgio Duarte Tarouco
Música: Leonel Gomez
Intérprete: Adriano Gomes

A tardinha passa
e eu espero a noite
para estar com ela…
No oitão do rancho,
na beira do fogo
ou junto à janela.

Esta ânsia louca
a matear solito,
ruminando ausência,
desta gueixa linda,
a brilhar fogosa
e enfeitar a querência.

Toda pampa vibra
quando ela aparece
dengosa e faceira,
pra mexer com a gente
e espiar, de longe,
a sua maneira.

Quero ser seu dono
e viver quimeras,
há muitos, sonhadas,
libertá-las todas
pelo infinito,
em loucas galopadas.

Neste poncho negro,
bordado de estrelas,
ela reina solita…
Eu sinto ciúmes porque,
dentre as outras,
é a mais bonita.

O canto dos grilos
faz a serenata
pra nosso romance,
estamos tão longe,
mas a mim parece
que ela ao meu alcance.

Vou espiá-la, quem sabe,
numa dessas noites
num banho de sanga…
Quando a brisa mansa
tropear perfumes
cheiro de pitanga.

Tarrafear as águas,
tentando prendê-la
numa malha fina,
Feita de carinho
e paixão ardente
– oh, lua menina!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s