Esticador – Gustavo Oliveira


34º Ponche Verde da Canção Gaúcha – Dom Pedrito – RS – 2019.
Composição premiada com o Primeiro Lugar, Melhor Instrumentista (Guilherme Castilhos) e Melhor Melodia.

ESTICADOR

Letra: Leonardo Quadros
Melodia: Guilherme Castilhos
Intérprete: Gustavo Oliveira

Volta e volta, sigo firme
Às vezes a contra-volta
Me escapa e é bruta a volteada
Quando a chave bate e solta

Vivo a tempo nesse ofício
Sou por sina alambrador
E a cada cerca que faço
Lembro desse mal de amor

Tu me enrolas qual atilho
Quando me escapa é um laçasso
Bem mais feio do que o golpe
Da chave ao bater no braço

Sigo com as mãos calejadas
De lidar com os farpados
Dói bem mais o sentimento
De não estar ao teu lado

A dor da pá e da labanca
A cada buraco feito
Nem se compara com a dor
Dos buracos do meu peito

E a cada quadra de campo
Que eu alambro por aí
Não sinto como a distância
Que me separa de ti

Se um dia eu tiver a sorte
De conquistar teu amor
Faço um alambrado forte
Espichado a esticador

Três de farpa e quatro “liso”
Um vai bem rente ao capim
Pra que o amor que eu preciso
Não fuja nunca de mim

Saudade cravada fundo
Tal qual moirão de banhado
Minhas mãos cheias de calos
Tem mil carinhos guardados

Igual o atilho e a trama
Que vivem sempre abraçados
Tu e eu, a nossa história
Eu e tu, nosso alambrado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: