Ijiquiquá – César Passarinho


19ª Califórnia da Canção Nativa do RS – Uruguaiana – RS – 1989.

IJIQUIQUÁ

Letra: João Batista Machado
Música: Júlio Machado da Silva Filho
Intérprete: César Passarinho

“Hoje este canto que trago
É pra uma terra que é minha,
Que, embora, pequenininha
É a lua cheia do pago.”

Ah, mas que saudade tão louca
Da Querência das Três Bocas,
No meu velho Ijiquiquá.

E de um bolicho de tábua,
Cambicho lá da minha zona,
Onde eu floreava a cordeona
A troco de guaraná.

Ah, meus domingos de carreira
Quando eu – for de calaveira –
Gritando de toda voz.

Me jogava por inteiro
No pingo do melhor pêlo,
Por papel de caramelo
Que era um dinheiro pra nós.

Ah, quanta saudade da Anita
– Uma prendinha bonita –
Mais linda do que um Jasmim.

Quando me via por perto,
Sempre arrumava um jeitinho
De me mostrar seu carinho,
Piscando um olho pra mim.

Ah, mas que saudade tão louca
Da Querência das Três Bocas,
No meu velho Ijiquiquá.

Ah, um dia eu volto pra lá,
Vou pescar no Ijiquiquá
Como eu fazia em guri…

Vou cavalgar sobre as águas
E em sonhos, reculutando,
E ao tranquito irei tropeando
Toda a infância que eu vivi.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: